texas-moody

Argentina: autor de disparos contra fotojornalista e manifestantes é preso

"A Justiça de Neuquén, no sudoeste da Argentina, determinou a prisão preventiva do agressor que atirou em trabalhadores da imprensa e feriu uma mulher durante uma manifestação de trabalhadores municipais exigindo salários em atraso.

A Associação de Fotojornalistas da Argentina (ARGRA, na sigla em espanhol) emitiu uma declaração contextualizando o acontecido e repudiando os eventos. A declaração dizia que 'um dos assaltantes sacou uma arma de fogo e disparou contra a marcha e depois apontou e disparou dois tiros contra nosso membro Federico Soto, um fotojornalista do jornal La Mañana de Neuquén, que estava cobrindo o evento'.

Embora os tiros não tenham atingido o trabalhador, uma mulher que estava participando da marcha foi 'ferida por eles', diz a declaração."

 

Leia o artigo original

Mais artigos