texas-moody

Caso de espionagem de jornalistas é levado à Procuradoria-Geral da República em El Salvador

  • Fonte: Efe
  • 18 janeiro, 2022

"A Associação de Jornalistas de El Salvador (Apes, na sigla em espanhol) notificou a Procuradoria-Geral da República em 14 de janeiro sobre a suposta espionagem sofrida por jornalistas e ativistas no país centro-americano e sobre o hackeamento do celular que o sindicato utiliza para receber denúncias de comunicadores em situação de risco.

O presidente da Apes, César Fagoaga, explicou aos jornalistas que essas duas advertências foram apresentadas à Procuradoria-Geral [de El Salvador] para que 'os fatos sejam investigados'.

“Apresentamos dois avisos. O que esperamos? Que o Ministério Público faça o seu trabalho, que se lembre do seu mandato constitucional, que é processar o crime e investigar', disse Fagoaga."

Leia o artigo original (em espanhol)

Mais artigos