texas-moody

Jornalista argentino recebe alerta de que pode estar na mira do grupo fundamentalista Hezbollah

"O jornalista argentino George Chaya, um crítico proeminente da liderança do Hezbollah, recebeu uma nota manuscrita avisando-o de que a organização terrorista xiita apoiada pelo Irã pode tentar matá-lo.

Chaya é especialista em terrorismo global e escreve uma coluna em espanhol para o site Infobae.

[...]

A avaliação predominante é que Israel ou os EUA estão por trás do aviso.

Chaya nasceu em Buenos Aires e sua família se mudou para o Líbano quando ele tinha dois anos. Ele está entre os críticos públicos mais severos do Hezbollah e de seu líder, Sheikh Hassan Nasrallah, e tem atacado com frequência as políticas da organização no Líbano."

Mais artigos