texas-moody

Jornalista cubana Camila Acosta está há dois meses sitiada pela Segurança do Estado

“A jornalista independente Camila Acosta, que está sob vigilância da Segurança do Estado, mostrou em suas redes sociais fotos e vídeos de agentes tentando se esconder atrás de uma árvore em frente a sua casa, para não serem vistos durante a verificação dos movimentos de a jovem.

Acosta destacou que no próximo dia 16 de setembro cumprirá pena de dois meses sob medida cautelar de confinamento domiciliar por divulgar os protestos de 11 de julho em Havana."

Leia o artigo original (em espanhol)

Mais artigos