texas-moody

Igualdade de Gênero

Featured Image KC Logo

Jornalistas brasileiras enfrentam violência sexual no cotidiano da profissão, segundo relatório

"Em 2022, ano de uma das eleições mais acirradas do Brasil, a Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji) registrou 557 casos de agressão contra profissionais da imprensa, 26% envolvendo algum tipo – mais ou menos explícito – de violência de gênero. Desse grupo, 5% foram categorizados como episódios de violência sexual, tendo 57,1% se passado […]

Featured Image KC Logo (1)

Impunidade prevalece nas agressões contra mulheres jornalistas no México, diz Artigo 19

“No México, ser mulher e jornalista implica uma dupla violência. Por um lado, a que nos afeta todos os dias com 10 mulheres assassinadas; e, por outro, a absoluta falta de acesso a uma proteção abrangente para o exercício da liberdade de expressão, com 99% de impunidade nos casos registrados de agressões a jornalistas, segundo […]

Featured Image KC Logo (1)

Abraji lança canal para denúncias de ataques de gênero a profissionais de imprensa

"A Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo lançou um formulário on-line para denúncias de ataques contra mulheres jornalistas e com viés de gênero direcionados a profissionais de imprensa. Realizada no âmbito do projeto de monitoramento de ataques de gênero contra jornalistas, a iniciativa tem como objetivo estabelecer um canal para a notificação de casos que violem […]

Featured Image KC Logo (1)

ICFJ e IJNet convidam jornalistas para responder a pesquisa sobre jornalismo com perspectiva de gênero

O que o jornalismo pode fazer para promover a igualdade de gênero? O Global Health Crisis Reporting Forum, do Centro Internacional para Jornalistas (ICJF) e da Rede Internacional de Jornalistas (IJNet), busca coletar dados gerais por meio de uma breve pesquisa para planejar seus próximos programas ou atividades.   Pesquisa de acesso (em espanhol)

Featured Image KC Logo (1)

Seis em cada dez jornalistas mulheres na Colômbia sofreram violência de gênero

“[...] Um número significativo de mulheres jornalistas são obrigadas a abandonar o emprego após terem enfrentado a violência sexual. De fato, cerca de 4 em cada 10 comunicadoras decidiram abandonar os espaços de trabalho, 2 em 5 abandonaram fontes e 1 em 4 abandonaram suas áreas de cobertura, após terem sido vítimas de violência de […]