texas-moody

Repórter é indiciada por envolvimento com traficantes no Paraná

  • By Guest
  • 2 February, 2011

Por Adriana Prado

A repórter Maritânia Forlin, que passou 20 dias na prisão, foi indiciada por contribuição ao tráfico de drogas pela polícia de Campo Mourão, no Centro-Oeste do Paraná, informou o portal Terra.

De acordo com a Gazeta do Povo, outras 25 pessoas também foram indiciadas na mesma investigação por vários crimes, como falsidade ideológica e formação de quadrilha. O Ministério Público avaliará cada caso e poderá, então, apresentar denúncia à Justiça.

A jornalista se valeria da profissão para obter informações com a polícia sobre investigações e operações e repassá-las a traficantes. Ela seria amante de um criminoso.

Maritânia estaria planejando escrever um livro de memórias, noticiou o UOL Notícias. Ela trabalhava para a Rede Independência de Comunicação (RIC), afiliada da Rede Record no Paraná, mas a emissora alega que a jornalista havia sido demitida três meses antes da prisão.

Nota do editor: Essa história foi publicada originalmente no blog de jornalismo nas Américas do Centro Knight, o predecessor do LatAm Journalism Review.

More Articles