texas-moody

Inovação

Meios digitais brasileiros desenvolvem ferramenta para fomentar comunidade de leitores no Twitter

Os meios digitais brasileiros AzMina e Núcleo têm desenvolvido nos últimos meses o projeto Amplifica, uma ferramenta para acompanhar os debates de suas leitoras e leitores no Twitter e promover conversas entre o público e os meios na rede social. A ideia é que, ao conhecer melhor seu público e saber quais são seus interesses, os meios possam se aproximar de seus leitores e potencializar o impacto do jornalismo que produzem. Eles também pretendem disponibilizar a ferramenta para que seja usada por outras organizações interessadas em se conectar com seu público.

Satellite taking images of the Earth from Space.

Procurando histórias desde o espaço: jornalistas das Américas criam guia para analisar imagens de satélite com inteligência artificial

Membros de La Nación, Data Crítica, CLIP e Bloomberg News desenvolveram um fluxo de trabalho que busca ajudar jornalistas com pouco conhecimento tecnológico a identificar indicadores visuais em imagens de satélite e desenvolver investigações jornalísticas com base neles.

Inspirados por uma tendência global, os media labs começam a surgir dentro de organizações jornalísticas da América Latina para desenvolver o pensamento inovador orientado ao jornalismo, acelerar a aplicação de tecnologia, buscar soluções para problemas e gerar algum tipo de impacto.

Media labs na América Latina: uma tendência entre os nativos digitais

Inspirados por uma tendência global, os media labs começam a surgir dentro de organizações jornalísticas da América Latina para desenvolver o pensamento inovador orientado ao jornalismo, acelerar a aplicação de tecnologia, buscar soluções para problemas e gerar algum tipo de impacto.

Pile of documents and artificial intelligence icons

Redações de América Latina e Estados Unidos buscam democratizar uso da inteligência artificial para analisar grandes quantidades de documentos públicos

Uma equipe de profissionais de La Nación, Ojo Público, CLIP e MuckRock desenvolveu um protótipo de ferramenta que visa facilitar o uso da aprendizagem automática e do processamento de linguagem natural para a análise e classificação de documentos para jornalistas sem um amplo conhecimento de programação.

Art graphic related to hate speech online.

Jornalistas de Brasil, México, Argentina e Colômbia combatem discurso misógino online com ajuda de inteligência artificial

O Monitor de Discurso Político Misógino, desenvolvido por jornalistas de AzMina, Data Crítica, La Nación e CLIP, detecta discursos de ódio contra mulheres na internet em espanhol e português por meio de um modelo de Processamento de Linguagem Natural.

Strings of numbers one and zero as a waterfall

Competição celebra o melhor do jornalismo de dados da América Latina e do mundo

Trabalhos da Argentina, Peru, Colômbia e Brasil foram pré-seleccionados para os prêmios mais prestigiados em jornalismo de dados de mais de 600 inscrições de 379 meios de comunicação de todo o mundo. A LatAm Journalism Review entrevistou os líderes dos projectos latino-americanos apresentados nos Prémios Sigma 2022.

Artificial Intelligence and News

Desafio colaborativo impulsiona uso da inteligência artificial nas redações da América Latina

Como parte de sua participação na iniciativa Collab Challenges 2021, La Nación (Argentina), Data Crítica (México), AzMina (Brasil), CLIP (Costa Rica) e Ojo Público (Peru) desenvolveram projetos que buscam colocar a análise automatizada de documentos, imagens e linguagem a serviço do jornalismo investigativo.

La Promesa Rota Prodavinci

Reportagem premiada do Prodavinci expõe o colapso do sistema previdenciário na Venezuela por meio de jornalismo de dados, arte e multimídia

A obra jornalística multimídia "A Promessa Quebrada" virou a opacidade e a polarização de cabeça para baixo com um trabalho de coleta e análise de dados que gerou um acervo que não existia no país, ao mesmo tempo em que criou um vínculo pessoal com os leitores.

Woman looking at graph charts in art gallery.

Jornalismo latino-americano recorre à arte para que histórias com dados causem maior impacto na audiência

Cada vez mais, o jornalismo latino-americano mescla dados e arte para conseguir um maior impacto das histórias e atingir públicos diferentes. No entanto, ainda é necessário que mais jornalistas se aprofundem no aspecto visual e que mais instituições apoiem as iniciativas artísticas.

Data

Jornalistas e especialistas em dados na América Latina debatem a falta de recursos e ferramentas em espanhol

Não é fácil obter recursos e ferramentas atualizadas na web sobre jornalismo de dados em espanhol. Basta olhar para os resultados do Google em inglês sobre o assunto, que são quase o triplo dos que aparecem em língua espanhola. Livros, workshops, ferramentas e até podcasts e newsletters sobre jornalismo de dados tendem a ser criados […]