texas-moody

Governo da Nicarágua tenta converter a 'prática do jornalismo em crime', afirma o editor do La Prensa

O editor do jornal nicaraguense La Prensa, Fabián Medina, denunciou que o regime do presidente Daniel Ortega tenta criminalizar o exercício do jornalismo no país, após prestar depoimento na Promotoria para a qual foi intimado quinta-feira.

“A promotora que me entrevistou insistiu muito no que eu estava fazendo, nas fontes, quem eram, que se eu sabia que, por exemplo, dar uma opinião na minha coluna era um delito se eu não pudesse provar”, disse Medina à mídia após a audiência.

“O que vejo é que há uma tentativa de transformar o jornalismo, o exercício do jornalismo, em crime definindo o que é a mentira”, acrescentou o também redator do jornal, que é um dos poucos meios de comunicação não controlados pelo governo Ortega. . "

Leia o artigo original (em espanhol)

Mais artigos