texas-moody

Jornalista Carlos F. Chamorro denuncia operação policial na sua casa na Nicarágua

  • Fonte: DW
  • 22 junho, 2021

“O jornalista nicaraguense Carlos Fernando Chamorro, vencedor do 38º Prêmio Ortega y Gasset de Jornalismo, denunciou na segunda-feira (21.06.2021) uma operação policial na sua casa como parte da onda de prisões contra líderes políticos de oposição e empresários, a menos de cinco meses das eleições nas quais o presidente Daniel Ortega busca sua terceira reeleição para um quarto mandato consecutivo.

[...]

O jornalista de 65 anos, uma das vozes mais críticas do governo Ortega, exigiu "respeito pela integridade física de minha cunhada Amelia Elizondo, Amparo e Álvaro, o segurança", que estão com ele na sua casa. A Polícia Nacional não informou sobre esta operação. "

Nota da LJR: A sede do Confidencial, o veículo que Chamorro fundou e dirige, foi ocupada em dezembro de 2018 pela Policía Nacional e nunca foi devolvida. Posteriormente foi convertida em  um lar para mulheres grávidas. Chamorro se exilou na Costa Rica, mas voltou para a Nicarágua em novembro de 2019. A polícia invadiu a nova sede do Confidencial em 20 de maio de 2021.

Leia o artigo original (Espanhol)

Mais artigos