texas-moody

Após questionar aumento salarial de vereadores, repórter é agredido por presidente de câmara municipal em MG

Um repórter acusou de agressão o presidente da Câmara Municipal de Matozinhos, município de Minas Gerais, após sessão realizada na segunda-feira, 27 de fevereiro, na qual os vereadores aprovaram um aumento de 34% em seus salários, informou a Folha de S. Paulo.

Em seu site de notícias, o jornalista Osvaldo Mesquita divulgou um vídeo em que aparece questionando os argumentos do presidente da Câmara, Emanuel Ôba (PHS), em prol do reajuste salarial. Em seguida, Ôba se aproxima e dá um tapa na câmera do repórter. Mesquita afirmou que o equipamento foi danificado e registrou boletim de ocorrência.

Segundo informações da Folha, o político defendeu o aumento dizendo que "vereador leva as pessoas pro hospital, paga cesta básica e paga remédio" para a população e por isso o novo salário seria "mais do que justo".

Mais artigos