texas-moody

Entidades fazem ato contra “golpismo midiático”

  • By Guest
  • 24 September, 2010

Por Maira Magro

Representantes de centrais sindicais, entidades de jornalistas e movimentos sociais fizeram na quinta-feira, 23 de setembro, em São Paulo, um ato “Em defesa da democracia e contra o golpismo midiático” no Brasil, informou o G1. O evento reuniu cerca de 500 pessoas na sede do Sindicato dos Jornalistas de São Paulo.

Os organizadores defenderam o controle social dos meios de comunicação, propuseram a abertura dos contratos e contas de publicidade de grandes empresas de comunicação e acusaram setores da imprensa de privilegiar uma candidatura nas eleições, segundo o Terra e o G1. Eles também divulgaram um documento explicando a proposta do ato.

“Distorcer, selecionar, divulgar opiniões como se fossem fatos não é exercer o jornalismo, mas, sim manipular o noticiário cotidiano segundo interesses outros que não os de informar com veracidade”, afirmou o presidente do Sindicato dos Jornalistas de SP e secretário-geral da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), José Augusto Camargo, acusando alguns setores da imprensa de estar por trás de um “golpe midiático” para interferir na vontade popular.

Nota do editor: Essa história foi publicada originalmente no blog de jornalismo nas Américas do Centro Knight, o predecessor do LatAm Journalism Review.

More Articles