texas-moody

No Brasil, internet supera jornais e se torna o segundo meio preferido para investimentos publicitários

Um relatório divulgado pela Interacting Advertising Bureau (IAB-Brasil), associação que reúne os principais sites e portais de internet do país, revelou que a internet superou os jornais e se consolidou como o segundo meio preferido para os investimentos publicitários no Brasil no primeiro quadrimestre de 2012, informou o iG.

A pesquisa baseou-se em investimentos em portais de notícias, sites de busca e de comparação de preços, que, somados, chegaram a 11,98% das receitas totais, enquanto os jornais ficaram com 11,06% das verbas publicitárias, estimadas em R$ 6,5 bilhões.

Segundo o site Olhar Digital, em 2011, o impresso aparecia em segundo lugar com 11,1% e a web seguia logo atrás com 11%. A TV liderou o ranking com 58,4% de participação. Este ano, a TV aberta permaneceu em primeiro lugar com uma fatia ainda maior do mercado, 60,63%.

A tendência de migração publicitária acompanha o crescimento do consumo de conteúdo online, com o barateamento do acesso à internet. No Brasil, porém, a transição dos leitores do impresso para o online ainda não foi suficiente para afetar a circulação de jornais, que continua crescendo, impulsionada pelos periódicos populares, ao contrário do que ocorre nos EUA e na Europa.

Nota do editor: Essa história foi publicada originalmente no blog de jornalismo nas Américas do Centro Knight, o predecessor do LatAm Journalism Review.

More Articles