texas-moody

Polícia militar do Tocantins tenta impedir revista Veja de circular

  • By Guest
  • 27 September, 2010

Por Maira Magro

Trinta policiais militares armados com fuzis tentaram impedir a distribuição da revista Veja este fim de semana no Estado do Tocantins, noticiou o jornalista Reinaldo Azevedo em seu blog.

A ordem era para apreender a revista no aeroporto, antes de ser distribuída. Segundo Azevedo, não havia decisão judicial autorizando a operação. A edição mais recente da Veja traz uma reportagem com denúncias envolvendo o governado Carlos Gaguim (PMDB), que disputa a reeleição. O procurador da República Álvaro Lotufo Manzano pediu o auxílio da Polícia Federal para que a revista pudesse finalmente chegar à distribuidora, afirma Azevedo.

A candidatura de Gaguim também acaba de obter uma liminar na Justiça Eleitoral impedindo 84 meios de comunicação de divulgar notícias sobre uma investigação do Ministério Público de São Paulo sobre um suposto esquema de fraudes em licitação em que o político estaria envolvido. Diversas entidades ligadas à imprensa e à defesa da liberdade de imprensa protestaram contra a decisão, aponta a Veja.

Mapa da Censura Eleitoral do Centro Knight para o Jornalismo nas Américas está rastreando as tentativas de amordaçar a imprensa brasileira no período que antecede as eleições de 2010.

Visualizar Mapa da Censura Eleitoral em um mapa maior

Nota do editor: Essa história foi publicada originalmente no blog de jornalismo nas Américas do Centro Knight, o predecessor do LatAm Journalism Review.

More Articles