texas-moody

Estado mexicano vai assumir responsabilidade pelo desaparecimento do jornalista Alfredo Jiménez Mota

“Em um evento histórico, o primeiro do gênero a ser alcançado no México no caso de um jornalista desaparecido, nesta quarta-feira [9 de dezembro] em Empalme, Sonora, será a assinatura do Acordo de Solução Amistosa e Ato Público de Reconhecimento de Responsabilidade do Estado mexicano para com as vítimas indiretas do desaparecimento do jornalista Alfredo Jiménez Mota, ocorrido em 2 de abril de 2005.

'Esses acordos para nós não são realmente um ponto de chegada, mas um ponto de partida', diz Ricardo Trotti, diretor executivo da Associação Interamericana de Imprensa (SIP), entidade que há 16 anos aponta a falta de eficiência e consistentes investigações oficiais que garantiram a impunidade do desaparecimento de Alfredo Jiménez e apresentou o caso perante a Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH)”.

Leia o artigo original (em espanhol)

Mais artigos