texas-moody

Jornalista mexicano Edgar Leyva escondido após sofrer atentado; sua tia e sua irmã morreram no ataque

  • Fonte: CPJ
  • 19 fevereiro, 2021

"Em 3 de fevereiro, em Ocotlán, no estado de Oaxaca, no sul do México, dois homens não identificados pararam em um terreno onde trabalham a irmã e a tia [de [Edgar Leyva Mendoza] e perguntaram pelo jornalista; quando sua tia e irmã se aproximaram do veículo, os homens abriram fogo, de acordo com Leyva, que falou com o CPJ em entrevista por telefone, e reportagens na imprensa.

A irmã do jornalista, Rosa Isela Leyva, e sua tia, Bernarda Ramírez, foram mortas no ataque, mas ele escapou ileso, disse Leyva. Leyva disse ao CPJ que acreditava que os homens estavam tentando matá-lo; ele disse não saber se foi alvo de seu jornalismo ou por causa de uma disputa por algumas terras na área”.

Leia o artigo original (em inglês)

Mais artigos