texas-moody

México: Nova sentença no caso do assassinato do jornalista Moisés Sánchez 'torna impossível acesso à Justiça'

“Em 6 de janeiro deste ano, Jorge Sánchez - filho de Moisés Sánchez, jornalista desaparecido e assassinado em 2015 - recebeu notificação do recomeço do processo penal dos policiais já condenados em 2018 pelo delito de omissão do cumprimento do dever e pela co-participação no assassinato de seu pai. Isso poderia implicar na exoneração dos policiais, agravando a falta de acesso à Justiça 6 anos após os fatos.

Após o desaparecimento forçado de Moisés Sánchez, as autoridades ministeriais iniciaram investigações contra os policiais municipais Luigi N e José F por não atenderem ao pedido de socorro feito por parentes e vizinhos de Moisés, após um comando armado de 6 pessoas retirarem o jornalista de sua casa em 2 de janeiro de 2015. Referido processo penal resultou em sentença proferida em 23 de março de 2018, pelo Terceiro Juiz de Primeira Instância da Comarca de Veracruz dentro do processo 100/2017. "

Ler artigo original (Espanhol)

Mais artigos