texas-moody

Jornalista é morto a tiros em Cuiabá

jornalista Auro Ida, 53 anos, foi assassinado a tiros no início da madrugada desta sexta-feira, 22 de julho, quando chegava à casa de sua namorada em um bairro de Cuiabá, no estado de Mato Grosso, informa o G1.

Segundo testemunhas, o jornalista estava em seu veículo com a namorada quando dois homens se aproximaram do casal e pediram para a mulher se afastar. Os criminosos dispararam seis tiros que atingiram cabeça e tórax da vítima e fugiram em seguida, explica o site Mídia News.

As primeiras informações são de que o crime teria motivação passional. Mas, de acordo com o deputado José Riva, presidente da Assembleia Legislativa local, Ida havia lhe dito que estava recebendo ameaças de morte em razão de matérias jornalísticas, informa o site Página Única.

O jornalista, fundador do site Mídia News, atuava na cobertura política de Mato Grosso e era consultor e colaborador do site Olhar Direto. Também passou pela redação do Jornal Gazeta e foi secretário de comunicação da Câmara de Cuiabá, acrescenta o Terra.

Nota do editor: Essa história foi publicada originalmente no blog de jornalismo nas Américas do Centro Knight, o predecessor do LatAm Journalism Review.

Mais artigos