texas-moody

Ministério Público venezuelano abre investigações sobre ataques contra jornalistas de veículos públicos

  • Por Guest
  • 28 Maio, 2012

O Ministério Público da Venezuela começou a investigar os ataques contra jornalistas do Sistema Nacional de Meios Públicos (SNMP) na quinta-feira, 24 de maio, informou o El Universal. O alerta foi feito pela fiscal geral da República, Luisa Ortega Díaz, no programa de rádio que apresenta às quintas-feiras na Rádio Nacional da Venezuela.

Há registros de ataques a pelo menos nove jornalistas do SNMP, segundo o Informe 21. Os ataques teriam acontecido durante atividades do candidato à presidência opositor a Chaves, Henrique Capriles, e se somam aos 64 ataques a membros da imprensa venezuelana registrados pelo Instituto Prensa y Sociedad (Ipys) do país.

A maior parte dessas agressões e ameaças, no entanto, ainda é dirigida a jornalistas de meios críticos ao governo de Chavez. A Associação Nacional de Jornalistas de Caracas (CNP, na sigla em espanhol) lançou uma nota na quinta-feira, 24 de maio, na qual rechaçou os ataques aos funcionários do SNMP e afirmou zelar pela defesa do jornalismo "sem distinção de setores políticos".

Mais artigos