texas-moody

Silvia Higuera

Silvia A. Higuera Flórez is a Colombian journalist who has written for the Knight Center since 2012. She is interested in covering Latin American issues and human rights, especially the right to freedom of expression, and investigative journalism. She studied Social Communication and Journalism at Universidad Pontificia Bolivariana in Bucaramanga (Colombia), and received her Master's of Arts in Journalism from the University of Texas at Austin in 2015. She worked with the Office of the Special Rapporteur for Freedom of Expression of the Inter-American Commission on Human Rights (IACHR) under the Orlando Sierra fellowship during 2014. She also worked for the Colombian newspaper Vanguardia Liberal and wrote for different magazines about local, economic and public order issues. Her work has also appeared in The Miami Herald and El Nuevo Herald of Miami. Email: silvia.knightcenter@gmail.com

Silvia A. Higuera Flórez es una periodista colombiana que trabaja para el Centro Knight desde el 2012. Su interés periodístico es América Latina y los derechos humanos, particularmente el derecho a la libertad de expresión, así como el periodismo de investigación. Estudió Comunicación Social – Periodismo en la Universidad Pontificia Bolivariana de Bucaramanga (Colombia), y recibió su maestría en Periodismo en la Universidad de Texas, en Austin en 2015. Trabajó para la Relatoría Especial para la Libertad de Expresión de la Comisión Interamericana de Derechos Humanos (CIDH) en el marco de la beca Orlando Sierra, durante 2014. También hizo parte del diario Vanguardia Liberal y escribió para otras revistas colombianas cubriendo fuentes locales, económicas y judiciales. Algunos de sus trabajos han aparecido en The Miami Herald y El Nuevo Herald de Miami.

Silvia A. Higuera Flórez é uma jornalista colombiana e escreve para o Centro Knight desde 2012. Seu interesse jornalístico é a América Latina e os direitos humanos, nomeadamente o direito à liberdade de expressão. Estudou Comunicação Social – Jornalismo na Universidade Pontifícia Bolivariana de Bucaramanga, na Colômbia e completou seu mestrado em jornalismo na Universidade do Texas em Austin. Silvia trabalhou na Relatoria para a Liberdade de Expressão da CIDH pela bolsa Orlando Sierra, em 2014. Trabalhou para o jornal Vanguardia Liberal e escreveu para outras revistas colombianas cobrindo temas locais, econômicas e judiciárias. Alguns de seus trabalhos apareceram no The Miami Herald e no El Nuevo Herald de Miami.

Artigos recentes

Projeto busca manter os olhos do mundo sobre o que acontece na Nicarágua apesar do fechamento de espaços jornalísticos

Falta de acesso à informação pública, pedidos de entrevistas negados por funcionários públicos, controle de materiais de impressão, assédio, repressão e violência fazem parte do cotidiano de jornalistas na Nicarágua. A situação, que jornalistas enfrentam há anos, começou a piorar após o início dos protestos contra o governo de Daniel Ortega, em abril de 2018. […]

Armando.Info de Venezuela

Armando.info, menção honrosa do prêmio Cabot 2019, busca ser arquivo de corrupção e violações de direitos humanos na Venezuela

"Com seus colegas, eles continuam cobrindo a crise política e humanitária na Venezuela, expondo a corrupção, as violações de direitos humanos e os crimes ambientais, entre outros", disse o júri dos prêmios Cabot.

Javier Dario Restrepo

Morre o mestre do jornalismo Javier Darío Restrepo, referência em ética jornalística na Ibero-América

Ele também se destacou por sua defesa da liberdade de imprensa. De fato, ele foi diretor da Fundação para a Liberdade de Imprensa (FLIP) da Colômbia e colunista dos jornais El Espectador, El Colombiano e El Heraldo.

Unesco-CIDH

Unesco e Corte Interamericana de Direitos Humanos se unem para fortalecer a liberdade de expressão na região

Esse plano de ação busca "criar um ambiente livre e seguro para jornalistas e trabalhadores dos meios de comunicação em todo o mundo", de acordo com o comunicado.

Mujeres en la vitrina

Cuba, México, Venezuela e Estados Unidos vencem os Prêmios Gabo 2019

Os trabalhos publicados em meios de Cuba, México, Venezuela e Estados Unidos foram selecionados como os melhores nas categorias Texto, Cobertura, Inovação e Imagem, entre 1.730 inscrições e 12 finalistas.

Periodistas Independiente de Nicaragua

Jornalistas nicaraguenses denunciam à CIDH o descumprimento de medidas cautelares para sua proteção por parte do Estado

Jornalistas da Nicarágua denunciaram em audiência pública perante a CIDH que as medidas cautelares concedidas por essa entidade não foram cumpridas pelo Estado da Nicarágua, situação que os coloca em risco

Wooden gavel and flag of Cuba

Cuba entre os países com maior nível de censura no mundo, segundo informe do CPJ

Cuba é o único país da América Latina incluído na lista das dez nações com os mais altos níveis de censura no mundo, segundo um informe do Comitê para a Proteção de Jornalistas (CPJ).

Online Learning Featured Image

Nasce Red PALTA para vigiar o uso de dinheiro público e políticas sociais na América Latina

Além de ser um produto essencial da cesta básica da grande maioria da população da América Latina, o leite também faz parte de muitos programas de assistência social voltados para as populações mais vulneráveis em países como Colômbia, El Salvador, Guatemala e Peru.

Mónica González (Photo Ministerio Secretaría General de Gobierno

CIPER lança campanha de associação enquanto sua fundadora Mónica González ganha Prêmio Nacional de Jornalismo do Chile

No momento em que o Centro de Investigação Jornalística (CIPER, na sigla em espanhol), do Chile, começa uma nova etapa de financiamento por meio de um programa de associação, sua fundadora, a jornalista Mónica González, ganha o prêmio de jornalismo mais importante do país.

RedCheq team

Meios colombianos se unem para fazer fact-checking durante eleições regionais por meio da RedCheq

Diferentemente de outros países latino-americanos, a Colômbia não tem eleições presidenciais neste ano, mas elegerá representantes locais como governadores, prefeitos e vereadores, entre outros cargos, em 27 de outubro. Como nas eleições presidenciais, as campanhas regionais podem ser afetadas pela disseminação de informações falsas. Por isso, Colombiacheck, o meio colombiano dedicado à verificação de dados, começou […]