texas-moody

Seis jornalistas foram agredidos pela polícia em protestos na Colômbia, diz FLIP

  • Fonte: FLIP
  • 10 setembro, 2020

A Fundação para a Liberdade de Imprensa (FLIP) rejeita as detenções ilegais, agressões físicas e obstruções ao trabalho jornalístico ocorridas ontem, 9 de setembro. Ao contrário de outros protestos, no dia 9 de setembro, Dia Nacional dos Direitos Humanos, todos os casos são atribuídos à Polícia Nacional.

[...]

Na quarta-feira, 9 de setembro de 2020, manifestantes saíram às ruas de Bogotá para protestar contra o assassinato do advogado Javier Ordoñez na noite anterior, durante um procedimento da Polícia Nacional. Ordoñez foi atingido repetidamente por uma arma de choque elétrico conhecida como taser. Durante as manifestações que ocorreram em frente a mais de 50 Comandos de Ação Imediata (CAI) na cidade, seis jornalistas foram agredidos por membros da Polícia. A FLIP registrou uma prisão ilegal, duas obstruções e três agressões físicas.

Ler o artigo original (Espanhol)

Mais artigos