texas-moody

Silvia Higuera

Silvia A. Higuera Flórez is a Colombian journalist who has written for the Knight Center since 2012. She is interested in covering Latin American issues and human rights, especially the right to freedom of expression, and investigative journalism. She studied Social Communication and Journalism at Universidad Pontificia Bolivariana in Bucaramanga (Colombia), and received her Master's of Arts in Journalism from the University of Texas at Austin in 2015. She worked with the Office of the Special Rapporteur for Freedom of Expression of the Inter-American Commission on Human Rights (IACHR) under the Orlando Sierra fellowship during 2014. She also worked for the Colombian newspaper Vanguardia Liberal and wrote for different magazines about local, economic and public order issues. Her work has also appeared in The Miami Herald and El Nuevo Herald of Miami. Email: silvia.knightcenter@gmail.com

Silvia A. Higuera Flórez es una periodista colombiana que trabaja para el Centro Knight desde el 2012. Su interés periodístico es América Latina y los derechos humanos, particularmente el derecho a la libertad de expresión, así como el periodismo de investigación. Estudió Comunicación Social – Periodismo en la Universidad Pontificia Bolivariana de Bucaramanga (Colombia), y recibió su maestría en Periodismo en la Universidad de Texas, en Austin en 2015. Trabajó para la Relatoría Especial para la Libertad de Expresión de la Comisión Interamericana de Derechos Humanos (CIDH) en el marco de la beca Orlando Sierra, durante 2014. También hizo parte del diario Vanguardia Liberal y escribió para otras revistas colombianas cubriendo fuentes locales, económicas y judiciales. Algunos de sus trabajos han aparecido en The Miami Herald y El Nuevo Herald de Miami.

Silvia A. Higuera Flórez é uma jornalista colombiana e escreve para o Centro Knight desde 2012. Seu interesse jornalístico é a América Latina e os direitos humanos, nomeadamente o direito à liberdade de expressão. Estudou Comunicação Social – Jornalismo na Universidade Pontifícia Bolivariana de Bucaramanga, na Colômbia e completou seu mestrado em jornalismo na Universidade do Texas em Austin. Silvia trabalhou na Relatoria para a Liberdade de Expressão da CIDH pela bolsa Orlando Sierra, em 2014. Trabalhou para o jornal Vanguardia Liberal e escreveu para outras revistas colombianas cobrindo temas locais, econômicas e judiciárias. Alguns de seus trabalhos apareceram no The Miami Herald e no El Nuevo Herald de Miami.

Artigos recentes

Jornalista argentino denuncia ameaça por parte de ex-militar acusado de tortura

Um jornalista argentino denunciou ter sido ameaçado por um militar aposentado que está sendo julgado por possíveis crimes contra a humanidade, informou o jornal Diario de Cuyo.

Diretor de emissora de TV pública colombiana se nega a listar funcionários homossexuais, como pedido por conselheiro municipal

O diretor do canal de TV público de Bogotá, capital de Colombia, se negou a entregar uma lista de funcionários que pertencem à comunidade LGBT -- Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transgêneros --, solicitada por um conselheiro da cidade, informou a Caracol Radio.

Jornaleiros argentinos bloqueiam distribuição de dois jornais em Buenos Aires

A distribuição dos jornais Clarín e La Nación foi bloqueada em Buenos Aires por integrantes do Sindicato de Vendedores de Jornais e Revistas na madrugada de segunda-feira, 29 de outubro, informou o Clarín.

Polícia prende quarto suspeito de atear fogo em jornalista boliviano

A polícia da Bolívia informou que prendeu o quarto suspeito do ataque ao jornalista de rádio que teve fogo ateado em seu corpo enquanto transmitia seu programa na última segunda-feira, 29 de outubro, publicou a BBC Mundo.

Organizações jornalísticas e autoridades colombianas pedem anulação de condenação de jornalista por injúria

Representantes da Procuradoria e do Ministério Público da Colômbia pediram à Suprema Corte do país que anule a condenação de um jornalista por injúria, informou o diário El Espectador. Na apelação, alega-se que as palavras utilizadas por Luis Agustín González em sua coluna são protegidas pelo direito à liberdade de expressão e, portanto, não podem ser condenadas nem política nem criminalmente, acrescentou a publicação.

Organizações jornalísticas alertam para agressões a jornalistas por policiais na Colômbia

Após a agressão a uma fotógrafa colombiana por um agente da Polícia Nacional , no dia 23 de outubro, várias organizações jornalísticas fizeram um alertas às autoridades, exigindo a investigação dos casos e sanções para quem agride jornalistas.

Jornalista boliviano tem o corpo incendiado enquanto apresentava seu programa de rádio

Quatro pessoas atearam fogo a um jornalista boliviano enquanto ele apresentava seu programa de rádio , na noite de 29 de outubro, informou a EFE. O estado de saúde de Fernando Vidal, dono e diretor da rádio Popular de Yacuiba, é grave, acrescentou a agência.

Jornal equatoriano processado pelo presidente do país recebe menção honrosa no Prêmio María Moors Cabot

O jornal equatoriano El Universo recebeu menção honrosa por sua defesa da liberdade de expressão na premiacão María Moors Cabot , da Universidade de Columbia, nos Estados Unidos, informou a própria publicação.

Jornalista boliviano denuncia atentado, autoridades pedem que ele apresente o suspeito do crime

Um jornalista boliviano denunciou ter sofrido um atentado com arma de fogo na porta de sua casa na cidade de Tarija (sul do país) no último dia 11 de outubro, publicou a agência Anf. O repórter Humberto Vacaflor denunciou o acontecimento à polícia local, mas a Força Especial de Luta contra o Crime (Felcc) pediu que o jornalista apresentasse o suspeito de ter cometido o atentado, acrescentou a agência.

Jornalista equatoriana é ameaçada de morte por publicar matéria sobre uso de drogas em escolas

Uma jornalista equatoriana denunciou ter sido ameaçada de morte após realizar e divulgar uma série de matérias sobre o consumo de drogas e porte de armas em escolas da cidade de Guayaquil, informou a agência Associated Press.