texas-moody

Centro Knight abre inscrições para a Primeira Conferência Latino-americana sobre Diversidade no Jornalismo

Depois de reunir quase 2.000 estudantes de 50 países no curso online “Diversidade em Notícias e Redações”, o Centro Knight para o Jornalismo nas Américas da Universidade do Texas em Austin realizará a Primeira Conferência Latino-Americana sobre Diversidade no Jornalismo em 26 e 27 de março.

Latin American Conference on Diversity in Journalism

O evento é totalmente gratuito e online, com duas sessões por dia sobre temas como gênero, orientação sexual, questões raciais e étnicas e deficiência. As inscrições estão abertas e quem assistir às quatro sessões poderá receber um certificado de participação gratuito.

Se inscreva aqui!

A conferência é patrocinada pelo Google News Initiative, que também apoiou o MOOC (Massive Open Online Course, por suas iniciais em inglês) “Diversity in News and Newsrooms”, que foi realizado de 11 de novembro a 7 de fevereiro de 2021.

“Esta é a primeira conferência do gênero realizada na América Latina. Nós procuramos promover a diversidade e a inclusão nas notícias que são publicadas e nas redações que as produzem”, afirmou o professor Rosental Alves, fundador e diretor do Centro Knight. “As questões de diversidade, equidade e inclusão estão na agenda em muitas partes do mundo e podem chegar um pouco tarde em certas áreas do jornalismo latino-americano. Mas esta é a hora. E estamos felizes em poder contribuir para esta conferência pioneira”.

A ideia, acrescentou Alves, é ouvir as próprias experiências de alguns colegas jornalistas latino-americanos que têm promovido a cobertura dessas questões e discutir a diversificação das redações para que representem melhor as comunidades que servem. “Hoje, mais do que nunca, também é vital promover o uso de discursos e práticas anti-racistas”, enfatizou o diretor do Centro Knight.

A conferência é dirigida a jornalistas de língua espanhola, estudantes de jornalismo, acadêmicos e editores interessados ​​em questões de diversidade. Até agora está confirmada a participação de jornalistas como Marco Avilés, que trabalha no Peru e nos Estados Unidos, escrevendo sobre racismo e diversidade para meios de comunicação como The Washington Post e Ojo Público.

Paula Cesarino Costa, a primeira editora de diversidade do jornal brasileiro Folha de S. Paulo, também participará, assim como Lucia Solis Reymer, editora de gênero do Grupo La República no Peru; e Eladio González, editor geral da Expansión no México.

Outros participantes incluem:

  • Alejandra Higareda, diretora do Malvestida.com, México
  • Belén Arce Terceros, diretora editorial de Chicas Poderosas, Argentina
  • Cristian Alarcón, escritor e jornalista, fundador de Anfibia e Cosecha Roja, Argentina
  • Teresa Juárez, roteirista e jornalista, coordenadora de formação em Periodistas de a Pie, México
  • Andrea Burga Villanueva, jornalista e criadora do blog ConCapacidad, Perú
  • Andrea Medina, jornalista e fundadora de www.integradoschile.cl, Chile
  • Verónica González, jornalista televisiva, coordenadora de comunicação da Agencia Nacional de Discapacidad, Argentina.
  • Priscila Hernández, acadêmica e jornalista, colaboradora da revista Nexos, México
  • Lina Cuellar, diretora e cofundadora de Sentiido, Colômbia
  • Luz Mely Reyes, cofundadora e diretora geral de Efecto Cocuyo, Venezuela
  • Caê Vasconcelos, repórter da Ponte, Brasil

Não se esqueça de se inscrever aqui para a Primeira Conferência Latino-americana sobre Diversidade no Jornalismo.

  • Quando: sexta, 26, e sábado, 27, de março
  • Horário: 2 sessões por dia às 10h am e 14h pm CT
  • Evento gratuito e totalmente online
  • Certificado de participação para quem assistir às 4 sessões

Mais artigos