texas-moody

Senadores aprovam lei que permite investigação federal em casos de ataques contra a imprensa no México

Os senadores mexicanos aprovaram um projeto de lei para que as autoridades federais sejam competentes para investigar, perseguir e punir os crimes cometidos contra jornalistas ou qualquer ataque que afete o direito à informação, liberdade de expressão ou de imprensa, informou por meio de um comunicado o Senado da República.

Os delitos serão investigados a pedido da vítima ou por provocação das autoridades estatais, detalharam os senadores. O projeto reconheceu que os jornalistas e defensores de direitos humanos no México se encontram “no pior momento de suas vidas profissionais” graças às agressões que sofrem e da inércia das autoridades competentes, de acordo com a agência Quadratin. O novo texto reforma o artigo 73 da Constituição Mexicana para estabelecer o crime de atacar a liberdade de expressão.

Pelo número de jornalistas assassinados em 2011, México é considerado o país mais perigoso do mundo para a imprensa.

More Articles