texas-moody

Gênero e Diversidade

screenshots of three panelists from the red diversidad webinar

Diversidade vai muito além de gênero e deve ser abordada desde uma perspectiva ampla no jornalismo, dizem painelistas em webinar

O primeiro webinar realizado pela recém-criada Rede para a Diversidade no Jornalismo Latino-Americano tratou dos mitos sobre a diversidade no jornalismo e trouxe lições sobre como superá-los. As jornalistas Lucia Solis, Ana Acosta e María Eugenia Ludueña compartilharam reflexões e boas práticas da aplicação da abordagem de diversidade no jornalismo na conversa em espanhol que aconteceu no dia 26 de janeiro.

Myths about journalistic coverage of diversity and how to deal with them

A recém-formada Rede pela Diversidade no Jornalismo Latino-Americano oferece webinars sobre inclusão, migração, gênero e muito mais

A recém-formada Red para la Diversidad en el Periodismo Latinoamericano (Rede para a Diversidade no Jornalismo Latino-Americano) está organizando uma série de quatro webinars para promover a diversidade nas redações latino-americanas e nas notícias e nos conteúdos que elas produzem.

Projeto Querino mostra como a história com um olhar afrocentrado explica o Brasil de hoje. Na foto, Rogero entrevista Vania Guerra, descendente de africanos escravizados e líder de uma comunidade quilombola no litoral do Rio de Janeiro. Foto: cortesia Angelica Paula/Projeto Querino

Podcast Projeto Querino celebra protagonismo negro na história do Brasil e ultrapassa 800 mil downloads

Além do podcast, o Projeto Querino conta com série de reportagens longas publicadas na revista piauí. Mais de 40 profissionais trabalharam por dois anos e oito meses na pesquisa e produção. Inspirado no Projeto 1619, do New York Times, o Querino traz um olhar afrocentrado para a história do Brasil para contribuir para o entendimento dos desafios políticos e sociais atuais do país.

indigenous women walking carrying children and smiling

10 recomendações para narrar a realidade dos povos indígenas

A jornalista colombiana Edilma Prada, fundadora da Agenda Propia, e o mexicano Juan Manuel Jiménez Ocaña, especialista em interculturalidade e educação indígena, compartilham recomendações para representar com dignidade os saberes, os valores e os modos de existir dos povos indígenas.

Journalists Esteban Hernández, Geo González, Carolina Vila-Nova and Daniel Villatoro at the 2nd Conference on Diversity in Journalism

Para abrir caminho para questões LGBTQ+ e de gênero, 'conversas desconfortáveis' precisam acontecer, dizem jornalistas na Conferência sobre Diversidade

Para que mulheres e pessoas LGBTQ+ tenham mais presença na agenda editorial e em posições de poder nos meios de comunicação, jornalistas precisam ter 'conversas desconfortáveis' com colegas, gestores e consigo mesmos, disseram Geo González (México), Carolina Vila-Nova (Brasil), Daniel Villatoro (Guatemala) e Esteban Hernández (Colômbia).

cuarto panel conferencia diversidad

No jornalismo, falar a verdade é também mostrar as diferenças, dizem panelistas da segunda conferência sobre diversidade do Centro Knight

No quarto painel da Segunda Conferência Latino-Americana sobre Diversidade no Jornalismo, foram apresentados produtos e iniciativas de fomento à diversidade, equidade e inclusão (DEI) no jornalismo latino-americano. Segundo os panelistas, a diversidade pode ser promovida tanto desde meios tradicionais como dos independentes, desde que seja algo feito com rigor.

As histórias das populações indígenas e negras da América Latina devem ser contadas com suas próprias vozes, dizem jornalistas em painel sobre Diversidade

Dadas as narrativas de ódio e a invisibilidade sofrida pelas comunidades indígenas, afrodescendentes e negras na América Latina, os jornalistas devem dar voz a elas, conhecer suas realidades e evitar sua revitimização, disseram Diana Manzo, Indhira Suero e Edilma Prada, membros do primeiro painel da 2ª Conferência Latino-Americana sobre Diversidade no Jornalismo.

Session de Cierre 2a Conferencia Latinoamericana sobre Diversidad en el Periodismo

E agora, o que fazer? Algumas ideias para impulsionar a diversidade no jornalismo na América Latina

A sessão de encerramento da Segunda Conferência Latino-Americana sobre Diversidade no Jornalismo fez um balanço das ideias discutidas durante o evento e plantou a semente de criação de uma futura organização continental para promover os conceitos de diversidade, equidade e inclusão no jornalismo na América Latina.

O impacto humano da falta de diversidade nas redações brasileiras

No Brasil, onde 43,2% da população se identifica como branca e 55,7% como negra, as redações são compostas por 77% de funcionários brancos. Pesquisa constatou os efeitos da falta de diversidade na produção de notícias e nos próprios jornalistas.

Women in Paraguay holding protest signs, cameras and microphones pointed towards them, night time

Jornalistas paraguaias denunciam assédio sexual e moral no Grupo Albavisión

O Sindicato de Jornalistas do Paraguai e coletivos de imprensa defendem os direitos das jornalistas e trabalhadoras de meios de comunicação no país de denunciar o assédio na redação e de não ser demitidas como resultado, como aconteceu recentemente.