texas-moody

Venezuela suspende novela colombiana considerada xenófobaPor Ingrid Bachmann

  • By Guest
  • 17 January, 2011

Por Ingrid Bachmann

Comissão Nacional de Telecomunicações da Venezuela (Conatel) ordenou à emissora privada Televén que suspenda imediatamente a exibição da novela “Chepe fortuna”, pois a produção colombiana estaria promovendo “a intolerância política e racial, assim como a xenofobia e a apologia ao crime”, informaram a Reuters e a BBC Mundo.

Segundo a agência AFP, para a Conatel a telenovela denigre a imagem da Venezuela. Uma personagem chamada “Venezuela” — irmã de “Colômbia”— é “repetidamente associada a atividades criminosas, numa descarada manipulação da obra para desmoralizar a população venezuelana”, de acordo com a Agência Venezuelana de Notícias. A Reuters acrescenta que a personagem em questão tem um cachorro chamado "Huguito”.

O órgão regulador das comunicações na Venezuela também ordenou à Televén que interrompa a exibição do programa “12 corazones”, com o argumento de que ele difunde imagens e sons “que deformam a consciência e a sensibilidade” dos menores de idade, informou o El Universal.

A proteção de crianças e adolescentes já foi a justificativa da Conatel para proibir, em novembro de 2010, a exibição de telenovelas com o tema narcotráfico.

Nota do editor: Essa história foi publicada originalmente no blog de jornalismo nas Américas do Centro Knight, o predecessor do LatAm Journalism Review.

More Articles