texas-moody

Jornalista chileno ameaçado de prisão por fotografar conflito indígena

  • Por Guest
  • 13 setembro, 2010

Por Ingrid Bachmann

O jornalista Marcelo Garay Vergara pode ser condenado a até 200 anos de prisão num processo em que é acusado de fotografar, sem autorização, um conflito envolvendo os índios mapuche, em um sítio em Padre Las Casas, no sul do Chile, informou La Nación. O julgamento está previsto para 21 de setembro.

Em maio de 2009, Garay fazia uma matéria nas proximidades de uma comunidade da etnia mapuche quando foi preso por policiais militarizados, por fotografar em um lugar privado sem a autorização de particulares, o que é proibido pelo Código Penal, explica El Ciudadano.

O Colégio de Jornalistas do Chile condenou o processo contra Garay e declarou que é um absurdo condenar um jornalista pelo exercício da profissão, informa a rádio da Universidade do Chile.

Nota do editor: Essa história foi publicada originalmente no blog de jornalismo nas Américas do Centro Knight, o predecessor do LatAm Journalism Review.

Mais artigos