texas-moody

Violência Contra Jornalistas

a chained hand holding a microphone. In the background the Cuban flag.

Onda de renúncias de jornalistas em Cuba, fruto do assédio da Segurança do Estado

Nos últimos dois meses, pelo menos 12 jornalistas cubanos decidiram abandonar seus empregos ou deixar a profissão publicamente, como resultado do assédio que sofreram da Segurança do Estado cubano. As redes sociais têm sido o lugar onde os jornalistas geralmente tornam suas decisões públicas.

American journalist and author Katherine Corcoran and her book "In the Mouth of the Wolf"

Imprensa deve se reconectar com público para que este exija segurança para jornalistas, diz ex-chefe da AP no México Katherine Corcoran

Os jornalistas mexicanos precisam urgentemente fazer as pessoas entenderem e valorizarem o impacto de seu trabalho para que seja a sociedade a exigir das autoridades condições seguras para a prática do jornalismo, disse Katherine Corcoran, que em outubro lançará o livro "In the Mouth of the Wolf", sobre o assassinato da jornalista mexicana Regina Martinez em 2012.

Journalists protest in Acapulco, Mexico, after the murder of journalist Fredid Roman

Diante de aumento dos crimes contra jornalistas no México, organizações pedem medidas, enquanto governo nega a violência

A morte de Fredid Román eleva para 15 o número de jornalistas assassinados no México em 2022. Enquanto organizações como ONU, CPJ e SIP condenam os crimes, o governo de López Obrador nega o clima de violência contra a imprensa e até se constitui como a principal origem das agressões, de acordo com um relatório da Artigo 19.

Allan González, radio announcer killed in Ciudad Juárez

Ataques do crime organizado matam quatro funcionários de rádio em Ciudad Juárez, no México

O que começou como uma briga entre grupos criminosos rivais terminou em ataques à população que resultaram na morte de quatro funcionários do grupo MegaRadio. Os assassinatos, considerados por organizações como uma forma de desestabilização social, fizeram com que a estação paralisasse temporariamente sua transmissão.

Screenshot of the Zoom meeting for the launch of the ebook Protection of Journalists: Safety and Justice in Latin America and the Caribbean

ONGs propõem medidas para melhorar proteção a jornalistas na América Latina, durante lançamento de ebook multilíngue do Centro Knight e da Unesco sobre o tema

Diante do fracasso dos mecanismos de proteção aos jornalistas, os membros da imprensa devem fortalecer a autoproteção, a solidariedade dentro da profissão e os vínculos com a sociedade civil, disseram representantes de Artigo 19, Repórteres sem Fronteiras e Comitê para a Proteção dos Jornalistas.

Handle hammering a gavel in front of yellow triangle

No México, a Promotoria Especial de Atenção aos Crimes Cometidos contra a Liberdade de Expressão tem uma longa história, mas poucos resultados

Por Sara Mendiola* Esta é a quarta reportagem de uma série sobre investigação e julgamento de casos de violência contra jornalistas na América Latina.**   Em 23 de março de 2017, a jornalista Miroslava Breach Velducea foi assassinada quando saía de casa na cidade de Chihuahua, no norte do México. Breach foi repórter do jornal […]

Three journalists in center surrounded by safety seals

Centro Knight lança ebook sobre segurança do jornalista na América Latina e Caribe durante webinar

Junte-se ao Centro Knight para o Jornalismo nas Américas terça-feira, 2 de agosto, para um webinar gratuito, pois lançamos um ebook multilíngue gratuito sobre segurança do jornalista na América Latina e no Caribe .

Como autoridades potencializam ataques misóginos e racistas contra jornalistas nas redes

O assédio online a jornalistas no Brasil se intensificou nos últimos anos devido ao potencial de exposição criado pelas redes sociais e à institucionalização desses ataques. As investidas do presidente Jair Bolsonaro contra jornalistas naturalizaram esse tipo de violência nas plataformas, e quem deveria dar respaldo a profissionais peca pela falta de responsabilização, revela estudo sobre violência contra jornalistas nas redes sociais.

Colombian Journalist Claudia Julieta Duque

Tribunal confirma responsabilidade do Estado colombiano em violações de direitos humanos de jornalista Claudia Julieta Duque, após mais de 20 anos de processo

A jornalista Claudia Julieta Duque, que durante duas décadas passou por tortura psicológica, exílio e perseguição por jornalismo investigativo, disse que a recente decisão do Conselho de Estado colombiano é a mais importante na luta por justiça pelas violações de seus direitos humanos.

Handle hammering a gavel in front of yellow triangle

Justiça para jornalistas na Guatemala: procuradoria arquiva mais denúncias do que leva a julgamento

Dados mostram que, nos últimos três anos, a resposta mais comum do Ministério Público da Guatemala a casos de ataques contra jornalistas foi a rejeição. Apenas 1% dos casos resultam em uma condenação. Durante a administração da procuradora-geral Consuelo Porras, o orçamento para a investigação de crimes contra jornalistas foi reduzido em 77%.